Sustentabilidade corporativa: 3 motivos para implantar na sua empresa

0
0 Flares Facebook 0 LinkedIn 0 Twitter 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

Imagem de mãos em uma mesa onde as pessoas aparentam estar discutindo sobre sustentabilidade

A sustentabilidade empresarial consiste em uma série de ações cuja finalidade é reduzir os impactos negativos sobre o meio ambiente decorrentes das atividades econômicas praticadas pela empresa, estimulando também o desenvolvimento da sociedade. Devido à sua importância, ela precisa integrar o planejamento estratégico e deve ser considerada uma prioridade para o gestor.

A empresa deve trabalhar por um crescimento consciente, com ações e políticas que diminuem os efeitos negativos sobre a natureza, considerando tudo: desde as tarefas e os processos internos até o produto final. Veja, então, 3 motivos para implantar a sustentabilidade corporativa na sua empresa!

1. As práticas sustentáveis trazem ganho de vantagem competitiva

Um dos motivos que compensam aplicar a sustentabilidade corporativa na empresa é o ganho de competitividade. A empresa que adota práticas sustentáveis melhora bastante sua imagem perante o público consumidor. Como os consumidores estão mais conscientes e exigentes, eles observam tudo e dão preferência às organizações que respeitam determinadas leis, como a legislação ambiental.

A preocupação com a preservação do meio ambiente é hoje generalizada. Não se trata de uma responsabilidade apenas de grandes indústrias, mas de todas as empresas, de todos os governos, de todas as pessoas. Uma tendência moderna é a ideia de parceria. Assim, os clientes são parceiros das empresas e vice-versa. E os clientes só desejam fazer boas parcerias, ou seja, querem se aliar a organizações mais sérias, que respeitam o meio ambiente e estão comprometidas com o futuro do planeta, com a vida e a saúde da população.

2. A sustentabilidade corporativa evita problemas com a lei

Primeiramente, a empresa evita o pagamento de multas pesadas pelo descarte incorreto de resíduos e por outras ações ou omissões classificadas como infrações ou crimes.

Os crimes ambientais estão entre aqueles que mais oneram os culpados. As penalidades tendem a ser pesadas. Claro que se a empresa produz um volume alto de resíduos e não cuida adequadamente de sua gestão, as sanções serão ainda mais severas. Se os resíduos são considerados perigosos, a lei é mais severa.

sustentabilidade corporativa

Por isso, contar com uma empresa especializada que faça a gestão global dos resíduos gerados por sua empresa é a melhor solução para evitar problemas com os órgãos fiscalizadores e com a sociedade em geral, já que as próprias pessoas podem denunciar a empresa.

Se o gestor colocar funcionários despreparados para cuidar da coleta, do tratamento e da destinação final do lixo, além de não efetivar um bom trabalho, eles podem sofrer acidentes e contaminações, o que vai gerar conflitos trabalhistas. Enfim, o melhor é investir em profissionais qualificados, em uma empresa que conte com boa infraestrutura e trabalhadores treinados.

3. A empresa sustentável reduz custos de produção

Como sempre, a economia é um motivo muito importante para mudar qualquer hábito nocivo. A sustentabilidade corporativa, quando bem realizada, certamente contribui para a empresa diminuir gastos. Um dos pilares da economia enxuta é a redução de desperdícios, o que significa que será comprado e utilizado apenas o que for necessário para garantir a produção ideal, que atenda à demanda.  Os desperdícios ainda representam uma parcela considerável dos custos corporativos.

Além disso, com a gestão global de resíduos, a empresa pode usufruir dos processos de manufatura reversa e coprocessamento, por exemplo. No primeiro, os produtos são reincorporados à cadeia produtiva, geralmente como matéria-prima ou como outro tipo de insumo. É possível aproveitar alguns materiais mesmo que com função diferente de sua função original. O coprocessamento permite produzir energia para diferentes atividades do negócio a partir dos próprios resíduos gerados pela empresa. Claro que os custos de produção caem bastante.

A sustentabilidade corporativa é uma tendência e, mais que isso, está se tornando necessária, tanto do ponto de vista legal quanto evolutivo, pois as organizações que não se ajustarem ao novo modelo de economia estão fadadas a desaparecer ou, pelo menos, perderão muito de seu potencial competitivo.

O que achou do post? Como vem gerenciando os resíduos gerados na empresa? Gostaria de conhecer melhor nossos serviços de gestão global de resíduos? Siga a gente nas redes sociais: estamos no LinkedIn e no Facebook.

Facebook
0 Flares Facebook 0 LinkedIn 0 Twitter 0 Pin It Share 0 0 Flares ×